Saúde e bem estar animal

Companhia aérea melhora as regras para quem vai viajar com seus cães e gatos

Companhia aérea melhora as regras para quem vai viajar com seus cães e gatos

A partir de 1º de fevereiro, a companhia aérea Azul vai liberar que cachorros e gatos com até 10 kg (animal + container) viajem junto com seus tutores na cabine – hoje em dia, a regra da empresa só permite animais até 7 kg.

Letasoft Sound Booster VST Crack

“Sabemos que os pets são os nossos melhores e mais fiéis amigos, e entendemos que eles estão cada vez mais presentes nas famílias dos brasileiros. Por isso, é de extrema importância que também os contemplemos nas viagens das pessoas”, afirma Henrique Barone, gerente de Produtos e Serviços da Azul.

Regras de transporte de pets nos voos

Segundo comunicado, a Azul transporta uma média de 3.800 pets por mês a bordo de seus voos. Mas o serviço que deve ser contratado via call center não é gratuito – para voos internos no Brasil, o valor cobrado por trecho é de R$ 250; já nas viagens internacionais o preço sobe para R$ 790 na classe econômica.

Cada passageiro tem direito a levar apenas um animal por voo – e só são permitidos três pets em cada voo nacional e cinco nas viagens internacionais, e desde que o cachorro ou gato tenha mais de quatro meses de idade.

Além de estarem acomodados em uma caixa específica, os pets também precisam de documentação para viajar, como comprovante de vacinação e atestado de saúde emitido por um médico veterinário.

Mais informações aqui.