Alimentos para cão idoso

Qual o melhor alimento para o cão idoso?

Qual o melhor alimento para o cão idoso?

Com o passar da idade, os cães idosos, assim como as pessoas, têm o organismo mais propenso a debilitações. Por isso, quanto antes tomamos medidas para nos adaptar às mudanças, mais qualidade de vida teremos na idade senil.

E uma das melhores formas de nutrir, fortalecer e manter a saúde é através da alimentação adequada a necessidade nutricional de cada espécie e faixa de idade.

Conheça os alimentos indicados para o pet idoso!

A partir de que momento devo considerar meu cão idoso?

 

Alimento para cão idoso
Cuide do seu velhinho

 

Não é raro que os tutores sintam-se em dúvida sobre como identificar a idade do seu pet. Todavia, não existe uma faixa etária padrão em que podemos afirmar que seu cão já é idoso.

Afinal, cada cão tem um desenvolvimento diferente. E, assim como o porte dele é um dos principais fatores que ajudam a identificar a velhice, a alimentação é um fator que pode tornar a chegada dela mais lenta.

Ainda assim, veterinários explicam que a margem de idade em que você pode começar a considerar seu cão idoso é em torno dos 7 anos.

Portanto, a melhor forma de você acompanhar a saúde e idade do seu animal é contar com um médico veterinário de confiança.

Além disso, também é o veterinário que poderá auxiliar você a entender todos os nutrientes que seu pet idoso precisa!

Quais os benefícios de mudar a alimentação do meu cão idoso?

A primeira coisa que você deve saber é que as demandas alimentares do cão idoso diferem das do cão filhote ou adulto. Além disso, dar uma atenção especial à comida do seu peludo pode ajudar a aumentar sua expectativa de vida e evitar doenças.

Isso é essencial porque, ao envelhecer, os cães podem apresentar alguns sinais clínicos e problemas, como falta de apetite, perda de massa muscular, falta de fibras e deficiências relacionadas à pele e à visão.

 

Alimente seu cão idoso
Alimente seu cão idoso

Porém, os benefícios não param por aí, afinal, com uma alimentação adequada, além de retardar os efeitos do envelhecimento, você ainda consegue evitar que seu pet desenvolva:

  • Artrite e artrose;
  • Diabetes;
  • Doenças cardiovasculares;
  • Doenças hepáticas;
  • Doença renal crônica;
  • Obesidade e;
  • Problemas nos dentes (tártaro).

Assim, conte sempre com o suporte e acompanhamento do médico veterinário do seu pet. Pois, com a ajuda dele, você entenderá o momento certo de mudar a alimentação do seu filho de 4 patas e saber exatamente quais os nutrientes que o corpo dele precisa.

Por fim, chegamos na principal dúvida: qual opção de alimento escolher para meu cão idoso?

Melhores opções de alimentação para cães idosos

Após alinhar com o médico veterinário quais são os nutrientes ideais para a dieta do seu pet, você poderá escolher os alimentos indicados. Devido à perda de massa muscular que muitos cães idosos passam, é comum que sejam predefinidas dietas ricas em proteínas, por exemplo.

Atualmente, as principais opções de alimentação para cães seniores são as rações secas, as rações úmidas e a comida natural. Todavia, lembre que é importante estar sempre atento à procedência do fabricante, priorizando a qualidade dos ingredientes e da produção.

 

cão idoso
Escolha a melhor opção para seu cão idoso

Escolha a melhor opção para o seu cão idoso

No caso das rações secas, geralmente super premium, o ideal é você optar por uma fabricação voltada a cães idosos. Essas rações são pensadas para proporcionar uma refeição completa, nutritiva e balanceada conforme as necessidades dos pets.

As rações úmidas também são uma excelente escolha, especialmente se o seu pet estiver com dificuldades de mastigação ou falta de apetite. Pesquise e escolha uma marca de confiança, que ofereça uma refeição completa com todos os nutrientes necessários na ração.

Já a alimentação natural é uma opção que demanda uma atenção reforçada, para que seu pet receba os nutrientes equivalentes ao que o corpo dele precisa, nas dosagens corretas para que os alimentos não causem nenhum prejuízo.

Alguns dos ingredientes recomendados para você agregar à alimentação natural do seu pet, estão:

  • O frango ou peru, pois são carnes brancas ricas em proteínas e com índices mais baixos de gordura;
  • A carne de peixe, pois além de fácil de digerir pode ser uma opção viável para cães que tenham apresentado alergias a outros tipos de proteínas;
  • Verduras escuras, que são ricas em fibras, vitaminas e minerais como o ferro e o cálcio.

Alguns legumes, como batata e beterraba, frutas, como banana e maçã, e cereais também são muito bons para alimentar o seu pet, mas devem ser dosadas conforme a dieta dada pelo veterinário.

No entanto, além da alimentação, você ainda pode suplementar a saúde do seu pet.

cuide do cão idoso
NUXCELL PUFA cuida do seu pet

Conte com NUXCELL PUFA para cuidar do seu velhinho de 4 patas

NUXCELL PUFA é a indicação ideal para o cuidado nutricional do seu bichinho de estimação.

Esse simbiótico exclusivo conta com nucleotídeos purificados, vitaminas e ácidos graxos poliinsaturados (PUFAs) que auxiliam na prevenção a perda excessiva de peso e modulam o sistema imune do seu cão.

Dessa forma, seu melhor amigo terá uma maior qualidade de vida mesmo velhinho!