Benefícios da glutamina para os cães

Benefícios da glutamina para os cães

A glutamina ou L-glutamina é classificada nutricionalmente como um aminoácido não essencial, ou seja, ela pode ser sintetizada pelo organismo, a partir de outros aminoácidos.

Mas o que é glutamina?

É o aminoácido livre mais abundante no plasma e no tecido muscular e os maiores consumidores de glutamina são as células do intestino e do sistema imunológico. A glutamina é muito importante para o metabolismo intestinal, para a regeneração das células intestinais e para a imunidade.

Quando o cão passa por algum processo patológico grave (como uma infecção grave, trauma, neoplasia,…), ou no caso de fêmeas no período de lactação, o organismo consome uma quantidade maior de glutamina. Quando os níveis de glutamina ficam muito baixos e o organismo não é mais capaz de sintetizá-la em quantidades adequadas para atender a demanda, esse aminoácido deixa de ser considerado não essencial e passa a ser temporariamente essencial, ou seja, precisa ser suplementado, para manter níveis desejados.

Por isso, os cães se beneficiam da suplementação de glutamina em várias situações:

  • Fêmeas lactantes;
  • Filhotes recém-nascidos;
  • Desnutrição;
  • Doenças infecciosas graves;
  • Sistema imunológico deficiente;
  • Tratamento quimioterápico;
  • Doenças hepáticas;
  • Doenças renais;
  • Doenças cutâneas;
  • Doenças gastrointestinais.

A suplementação com a glutamina auxilia na manutenção da massa magra, melhorando o sistema imunológico e assim fortalecendo o animal para uma recuperação mais rápida e um risco menor da mortalidade.

Nuxcell Plus

Texto: Laura Rocco – Médica Veterinária –  CRMV 22332/SP